Noobz : Tutorial HyperX - Como escolher a memória RAM ideal para seu PC! - Games, Cinema, Animes, Séries, Heróis e muito mais!
Trending

quinta-feira, 25 de junho de 2020

Tutorial HyperX - Como escolher a memória RAM ideal para seu PC!

Leigo ou heavy user, todo mundo em algum momento já quis saber quanto seu dispositivo tem ou precisa ter de memória RAM. A curiosidade se justifica, já que a capacidade da memória é decisiva para a performance da máquina. Mas a quantidade de bytes não é tudo, e conhecer um pouco mais sobre o assunto pode ajudar o consumidor a fazer a melhor escolha na hora de comprar um computador pronto, montar uma máquina ou atualizar o sistema.

HyperX Memória RAM

Iuri Santos, gerente de tecnologia da HyperX no Brasil, marca da Kingston, maior fabricante de memórias independente do mundo, afirma que a memória RAM, junto da CPU, é o ‘cérebro’ da máquina. "É como imaginar uma pessoa sem memória. Como ela poderá fazer uma conta de cabeça se não se lembra sequer do que tem que somar? Quando fazemos a conta no papel, escrevemos os números e enviamos essas informações para o cérebro calcular. Com a memória RAM o processo é parecido, ou seja, ela é responsável por registrar e armazenar os dados na CPU, sejam temporários ou permanentes", explica Iuri.

Segundo ele, a memória RAM é ainda mais importante para o gamer, pois o computador precisa calcular a física de cenário, objetos e personagens no jogo, processar a inteligência dos inimigos e passar todas as informações para a placa de vídeo fazer o desenho na tela, por exemplo, da forma mais rápida possível, pois qualquer atraso pode travar o jogo. "Geralmente, quedas de frame em cenas complexas nos jogos estão relacionadas a uma configuração inadequada de memória RAM no sistema e não a uma falta de força de processador ou da placa de vídeo", diz o gerente de tecnologia da HyperX.

Situações como essa podem ser resolvidas com um upgrade de RAM. O processo para aumentar a memória e deixar a máquina mais estável e veloz é simples e pode ser ainda mais facilitado com o tutorial preparado pelo gerente de tecnologia da HyperX, a seguir:

• Antes de mais nada, identifique a geração do processador do computador e o chipset da placa-mãe em que ele está instalado. Esses dois pontos determinam as tecnologias compatíveis com o sistema.

• Em seguida, observe os componentes de memória que já estão instalados no sistema e verifique se já estão sendo utilizados todos os números de canais de memória que o computador disponibiliza. O canal de memória é a forma que a CPU tem para acessar simultaneamente mais informações por ciclo de processamento. Algumas máquinas podem ter dois, quatro ou até oito módulos de memória, mas cada chipset terá a sua tecnologia de canal determinada em conjunto com o processador instalado.

• Caso a máquina tenha apenas um módulo de memória instalado, a instalação de um segundo, com a mesma configuração, número de chips e capacidade, fornecerá o dobro da capacidade computacional em relação à atual. Um módulo de memória instalado sozinho permite o processamento de 64 bits de dados por ciclo, e hoje em dia todas as máquinas são compatíveis com ao menos o dual channel (dois canais). Dessa forma, preenchendo os dois canais, cada um com um módulo de memória de 64 bits, o processamento de dados é dobrado para 128 bits, o que resulta em melhor performance da máquina na hora de processar as informações.

• Com os dois canais funcionando, é importante verificar se a configuração atual atende à demanda de memória dos programas usados. Hoje em dia, um sistema com ao menos 16GB de memória RAM permite rodar muito satisfatoriamente os jogos mais recentes. Existem programas que, sozinhos, rodam muito bem com apenas 8GB de RAM, mas, em muitos casos, para gamers que querem jogar e fazer streaming ao mesmo tempo, por exemplo, 16GB passa a ser o novo ponto de partida, utilizando sempre dois módulos de 8GB nas placas-mãe dual channel ou quatro módulos de 4GB nas quad channel (quatro canais). Observe que sempre número par, dependendo da quantidade de canais de memória disponíveis na plataforma utilizada.

• Um detalhe importante referente a módulos de alta velocidade é que, geralmente, quanto menos módulos utilizar, maior se torna a velocidade em MHz compatível com a plataforma. Por exemplo, 32GB podem ser configurados usando quatro módulos de 8GB ou dois de 16GB, em plataformas dual channel, mas, quando possível, deve-se dar preferência para a configuração com apenas dois módulos de 16GB, permitindo assim que módulos com frequências mais altas possam ser utilizados. Já em plataformas quad channel, o ideal é usar 4 módulos de memória ao invés de oito módulos, sendo sempre importante respeitar o número múltiplo de quatro.

• Verifique se as memórias utilizadas têm as mesmas frequências. Os processadores Intel de 6ª e 7ª geração e os AMD Ryzen de 1ª geração podem, com segurança, fazer uso de memórias de 2400MHz de frequência, principalmente de dois módulos em dual channel. Já os processadores Intel de 8ª e 9ª geração e AMD Ryzen de 2ª e 3ª geração em placas-mãe com chipsets da família 400 e 500, principalmente, podem seguramente trabalhar com 2666MHz de frequência. Se o chipset da placa-mãe começar com Z ou X, geralmente 3200MHz é uma frequência segura para o funcionamento das memórias em overclock de fábrica através do conhecido perfil XMP. Frequências mais altas podem ser utilizadas, mas a recomendação é verificar quantos módulos e de qual capacidade são compatíveis em tal frequência para cada modelo de processador e placa-mãe.

• Falando em memórias padrão, a terceira geração AMD Ryzen trabalha nos chipsets da família 500, com memórias de 3200MHz, sendo frequências mais altas dependentes apenas da compatibilidade da placa-mãe e do número de módulos de memória instalados. Os processadores Intel de 10ª geração têm como especificação, e dependendo do modelo do processador, até 2933Mhz e aceitam memórias mais rápidas, também conforme o modelo da placa-mãe em que for instalado.

"Com essas informações fica mais fácil fazer o computador rodar jogos e todos os programas sem engasgos. Se tiver apenas um módulo de memória instalado, procure o upgrade para estabelecer o dual channel. Caso queira melhorar ainda mais, troque o módulo atual por um par de módulos mais rápidos. Se preferir deixar o sistema pronto para multitarefas e os jogos do futuro, use módulos maiores na velocidade ideal para o conjunto de placa-mãe e processador instalados no sistema. Nunca deixando módulos em quantidade ímpar ou fazendo upgrades instalando módulos de características muito diferentes. O sistema com um ótimo processador, ótima placa-mãe, turbinado com um SSD, deve ter a memória RAM certa para estar 100% preparado para todas as batalhas no mundo dos games", finaliza o gerente de tecnologia.

A HyperX oferece memórias RAM DDR3 e DDR4 nas linhas FURY, Predator e Impact, com kits de 4GB a 256GB e frequências de 2400MHz a 4800MHz.

Para mais informações sobre a HyperX e seus produtos, visite http://www.hyperxgaming.com/br .

Nenhum comentário:

Postar um comentário