Trending

segunda-feira, 4 de setembro de 2017

Lino - Animação brasileira surpreende tecnicamente, mas peca no roteiro!

Filme: Lino - Uma Aventura de Sete Vidas
Direção: Rafael Ribas
Crítica Noobz: Kleber Pessoa (@kleberpessoa)

---------------------------------------------------------------------

Lino - Uma Aventura de Sete Vidas

Lino - Uma Aventura de Sete Vidas é um filme de animação brasileiro que conta com as vozes de Selton Mello, Dira Paes e Paolla Oliveira e conta a história de Rafael, um jovem azarado que tenta ganhar a vida como animador de festas infantis com uma fantasia de gato gigante criada por ele mesmo. Determinado a encerrar a onda de azar da sua vida, ele decide contratar um feiticeiro, que por engano ensina a magia errada para o rapaz, que acaba lhe transformando em um grande felino conhecido como Lino. O problema é que um vizinho, do agora Lino, havia assaltado várias lojas usando sua fantasia, fazendo com que o grande felino passe a ser um procurado da polícia.

Lino - Uma Aventura de Sete Vidas

Dirigido por Rafael Ribas, o filme encanta e surpreende pela qualidade técnica das animações, que não deixa nada a desejar para grandes produções internacionais. Com certeza um dos pontos altos do longa e um marco para nosso mercado de animação. É animador ver uma produção nacional com esse nível de qualidade.

Não apenas a animação, mas a direção é muito bem executada com cenas dinâmicas e uma fluidez digna de aplausos.

Lino - Uma Aventura de Sete Vidas

Porém, o que o longa tem de qualidade na parte técnica ele acaba falhando em seu roteiro. Claramente voltado a um público infantil, com faixa etária até 8 anos, o humor dificilmente agradará espectadores além dessa idade. Com piadas preguiçosas e simples, a animação falha em ser uma boa opção para toda a família para se tornar apenas uma diversão para a criançada.

De qualquer forma, Lino - Uma Aventura de Sete Vidas e surge como uma ótima opção para as crianças, estreando no dia 7 de setembro de 2017 nos cinemas do Brasil.

Trailer


Avaliação: 6.5/10

Por Kleber Pessoa

Nenhum comentário:

Postar um comentário