Trending

terça-feira, 2 de maio de 2017

Jogamos o nostálgico e frenético Quake Champions!

quake champions

Game: Quake Champions
Plataforma Utilizada: Exclusivo PC
Noobzview:
 Ataliba


-------------------------------------------------

Depois de onze anos de espera, a Bethesda aproveitou a E3 2016 para anunciar o retorno de um grande clássico dos FPS. Quake está voltando com Quake Champions e agora, nós tivemos a oportunidade de participar da fase de closed beta.

Caso você não tenha muita paciência para textos, segue abaixo um pequeno gameplay que fizemos para nosso canal de games no youtube, Legião Noobz.



O Clássico Está de Volta!

Quake foi um marco para o gênero de shooters de arena nos anos 90, que tinha como característica batalhas rápidas e isso foi preservado no novo Quake Champions, com uma roupagem moderna e a atualização em diversas mecânicas que dão um ar alucinante das clássicas arenas com uma pitada de estratégia.

Frenético e Nostálgico

Como nós tivemos nossa experiência com o closed beta, o título pode sofrer alterações até seu lançamento, mas já deu pra perceber muita coisa, como a proposta rápida e insana de Quake Champions, onde você surge em pequenos cenários próximo ao seu adversário em meio a tiroteios, onde vence aquele que tiver os melhores reflexos.

quake champions

O game tem dois pontos muito positivos, o primeiro é que é leve, então você não precisa de uma máquina muito potente para rodá-lo, isso é uma ótima notícia para um título que vive do multiplayer e precisa atrair o maior número possível de jogadores. Outra é que ele é bem intuitivo. Conforme você joga, obviamente consegue desenvolver estratégias melhores, mas ele valoriza muito a dinâmica e o frenesi, tanto que as armas não tem reload, para tornar tudo mais insano ainda.

A textura dos cenários, as narrações e a velocidade do jogo irá agradar muito aos jogadores que cresceram na franquia Quake, pois o game não tem uma cara de jogo novo e sim de uma evolução daquilo que a franquia é, tornando tudo muito nostálgico.

Os Personagens

Apesar de toda a loucura que é Quake Champions, o jogo te entrega uma possibilidade de criar estratégias e surpreender, principalmente no modo em equipes, pois cada um dos nove personagens disponíveis no closed beta, tem atributos e uma habilidade única, que dá uma dinâmica diferente à partida. Dos personagens que mais jogamos, por exemplo, temos o Ranger, que é um soldado de atributos bem equilibrados e que tem a habilidade de se teleportar. Já a personagem Nyx tem pouca vida, mas é muito rápida e tem a habilidade de completamente invisível.

quake champions

Para recrutar novos personagens o jogador precisa de moedas in-game ou dinheiro real. Com as moedas in-game o jogador disponibiliza um novo personagem por 24 horas, porém, não é muito difícil juntá-las bastando jogar partidas normais ou realizando alguns desafios propostos pelo jogo, como por exemplo, matar três jogadores seguidos.

Outra forma de se conseguir personagens são através das loot boxes, que são caixas que o jogador ganha conforme sobe de nível e podem trazer os mais variados itens, incluindo, novos personagens. Algo similar ao que acontece em Overwatch.

Aliás, devido a sua dinâmica e habilidades individuais de cada personagens, você verá muita comparação entre Quake Champions e Overwatch devido à algumas semelhanças.


Quake está de Volta

Em meio à tantos games voltados ao FPS e ao mundo dos eSports, Quake chega com o peso da nostalgia e de seu nome, com muito sangue e mecânica que mistura o novo com o clássico. O closed beta já mostrou que Quake veio para bater de frente com os grandes títulos do mercado e tem um enorme potencial para o o mundo competitivo, uma das ambições da Bethesda com o título.

Se você gosta de um jogo rápido, dinâmico e que pode proporcionar diversos momentos de virada, aguarde, pois, Quake Champions foi feito para você.

O game ainda não tem data de lançamento e a principio chegará apenas para o PC, mas os produtores já manifestaram interesse em no futuro preparar uma versão para os consoles.

Nenhum comentário:

Postar um comentário