Noobz : Exclusivo: Entrevistamos os produtores do filme 'Eu Fico Loko' - Games, Cinema, Animes, Séries, Heróis e muito mais!
Trending

domingo, 18 de dezembro de 2016

Exclusivo: Entrevistamos os produtores do filme 'Eu Fico Loko'

No dia 12 de janeiro de 2017, chega aos cinemas do Brasil o filme Eu Fico Loko, baseado no best seller homônimo lançado em fevereiro de 2015 sob o selo Novas Páginas da Editora Novo Conceito.

Eu Fico Loko filme

A trama acompanha a jornada do youtuber Christian Figueiredo, que de um zero à esquerda se tornou um dos maiores fenômenos do youtube com um canal que tem mais de seis milhões de inscritos.

A convite da Paris Filmes, Universal Pictures e Editora Novo Conceito, o Noobz participou do evento de divulgação do filme Eu Fico Loko, onde aproveitamos para bater um papo com o produtor e o diretor/roteirista do longa, respectivamente Julio Uchoa e Bruno Garotti.

Confira a entrevista abaixo.


Noobz: Depois de Kéfera e o vindouro Internet, o filme. Vocês acreditam que filmes baseados em youtubers se tornarão uma tendência ou é algo pontual?

Julio Uchoa: Eu acho que isso pode vir a ser uma tendencia, pode ser lido como uma tendencia a curto prazo, mas acho que o que fizemos foi um filme em cima de um best-seller, onde tivemos o livro mais vendido de 2015. Era uma história de adolescente viva e cheia de coloridos que se tornou uma adaptação para um filme. É a história de exito de um personagem, que por um acaso é um youtuber.

Não estou negando de maneira nenhuma que seja o momento que essas novas estrelas da sociedade tenham seu espaço também na grande tela.

Mas eu acho que a ideia com 'Eu Fico Loko' era essa, trazer um grande filme, por isso pegamos um livro que teve uma grande identificação com a adolescência, com os problemas de todo mundo. É uma história de sucesso atual e falando em atual falamos do mundo dos youtubers, dos vlogueiros.

Assistam, é um belo filme!

Noobz: Quais foram os maiores desafios para adaptar o livro para um roteiro cinematográfico?

Bruno Garotti: A adaptação do 'Eu Fico Loko' não é só de um livro. Ela acaba que se torna uma adaptação do livro um, do livro dois e da vida do Christian. É claro que tudo começou com o primeiro contato junto ao livro 'Eu Fico Loko', que já era um best-seller e ali tínhamos um material incrível, a história de um adolescente com todos aqueles ritos de passagem da adolescência como o primeiro beijo, a primeira vez, a dificuldade de se relacionar na escola, mas tudo isso trazendo os elementos da revolução digital, com as redes sociais desempenhando um papel muito importante afetando a história, afetando a vida do adolescente. Só isso já era um material formidável para uma adaptação de cinema. Ai quando você junta a história da transformação, desse cara que é um zero a esquerda em um fenômeno, um adolescente que gravando dentro do quarto conquista tudo aquilo que ele queria como a popularidade, a independência para sair de casa e ir para o próprio apartamento e poder fazer o que quiser, também é um material fascinante para adaptar.

É claro que sempre existem dificuldades em fazer a transição de uma mídia para a outra, mas no caso era uma material excelente que pedia para ser adaptado, pedia para se tornar um filme. Eu acho que quem assistir vai concordar que ali temos um filme, um material para cinema.

Noobz: Vocês acreditam que o filme poderá atingir um público que vai além dos inscritos do Christian Figueiredo no youtube?

Bruno Garotti: É um sonho que o filme atinga não só quem já conhece e é fã do trabalho Christian. Eu fui seduzido na leitura do livro.

Julio Uchoa: Ele (Garotti) não era um conhecedor do canal, na verdade ele ficou seduzido pela história.

Bruno Garotti: Então eu espero que sim, que quem passar do preconceito, pois existe um rótulo de "um filme de youtuber", seja lá o que isso for. Quem passar desse preconceito e for assistir eu espero que também se envolva com a história, se divirta, se emocione. É o nosso desejo.

Julio Uchoa: E na realidade eu digo que o filme foi feito para de fato ser um filme para um grande público em cima de uma história. Para agradar ao público do Christian que não está acostumado a ver ele dessa maneira, nessa grande tela, com esse tipo de apresentação. E nessa apresentação foi feito um filme para todos os moviegoers, para todo mundo dessa idade. Acho que o mercado precisa de filmes para essa tribo. E a gente ta apresentando esse, que eu acho ser um excelente filme para abraçar esse público todo.

Bruno Garotti: Eu adoro quando eu ouço de alguém que não seria o perfil do público mais óbvio para o filme dizer: 'Eu me surpreendi', 'Eu me diverti', 'Eu me emocionei'. A gente ouve muito isso e nos deixa muito feliz, agora se vamos atingir ou não, depende de tantos fatores, mas a gente torce que sim.
_______________________________

Trailer


*Eduardo Dias (@edudiastw) foi o enviado do Noobz ao evento.

Nenhum comentário:

Postar um comentário